EU E ELA

Ela cuspiu nos meus sonhos
não reagi 
              acordei.
Xingou mamãe de jamanta
fui até bom 
              concordei.
Disse que eu era uma besta
compreendi 
              mas chorei.
Gritou que tinha outro homem
fui imbecil 
              duvidei
Provou que eu não existia
não discuti 
              me matei

(Luís Pimentel)

2 comentários:

Lucas Queiroz disse...

Bom texto, é algum estilo literário a arrumação desses parágrafos?

Bruno Silva disse...

amigo, de fato faz parte do estilo que chamo de pós moderno, o mesmo que Ferreira Gular exerce.
Luís Pimentel foi o jornalista que comandou a oficina de literatura do mês passado, com ele aprendi, em alguns dias, muita coisa.